Jurados

A primeira edição do Festival Itinerante da Música Brasileira será triado e julgado por 05 artistas de grande expressão no Rio Grande do Sul e no Brasil. Vejamos um pouco mais sobre eles:

Tuny Brum

Tuny Brum, músico, compositor e intérprete, tem na base do seu trabalho a música popular gaúcha, com mais de 400 músicas gravadas, é vencedor de diversos festivais do Estado do Rio Grande do Sul. Possui quatro discos lançados: ANDARILHO CORAÇÃO em 2008 e COM TODO NOSSO RESPEITO em 2010, MERECIMENTO em 2016, e A FUBICA DA VOVÓ (disco infantil) em parceria com Humberto Gabbi Zanatta em 2019 (indicado ao Prêmio Açorianos de Música na categoria de Melhor Disco Infantil 2019/2020). Recentemente, foi contemplado com o Prêmio Trajetórias Culturais (Mestra Griô Sirley Amaro).
(Créditos foto: Ricardo Gomes)

Adriana Sperandir

Cantora, Produtora Cultural, Integrante do coletivo de Arte e Cultura do Litoral Norte, Coordenadora de projetos culturais e sociais da Associação Comunitária Educa Hoje, Diretora artística na empresa Estúdio de produção musical A3 e Integrante do Colegiado Setorial de Música do RS. Iniciou o curso de Direito na Ulbra Torres, onde também foi integrante do Coral Universitário e do Coral Municipal de Criciúma SC (Núcleo Edson Cordeiro). Como artista, circulou por vários estados do Brasil, acumulando mais de 40 Prêmios em Festivais de Música Autoral. Em 2010 - Recebeu o Prêmio Melhor Intérprete Festivais do Brasil. 2012 - Indicada ao Prêmio Açoriano de Música - Categoria Intérprete de MPB. 2014 - Prêmio Vitor Mateus Teixeira - Categoria Cantora. Na música, são 20 anos de estrada, com participações em vários espetáculos, gravações de discos e DVDs.
(Créditos foto: Andrei Sperandir​)

Kátia Teixeira

Kátya Teixeira é cantora, instrumentista e compositora paulistana, pesquisadora da cultura popular brasileira e traz em seu trabalho musical o resultado de suas andanças pelo Brasil. Garimpando saberes e sonoridades que incorpora a sua musicalidade, fazendo reverência aos mestres populares e as manifestações culturais autênticas do nosso país. Com 6 CD´s gravados, 03 Singles, Kátya Teixeira teve seus CDs indicados ao Prêmio da Música Brasileira, Prêmio Profissionais da Música e Troféu Catavento de Solano Ribeiro – Rádio Cultura/SP. Assina vários projetos culturais dentre os quais se destaca o premiado Dandô – Circuito de Música Dércio Marques que cria um intercâmbio e circulação de música popular em várias cidades brasileiras, da América Latina e Europa. Realizou vivências e oficinas integrando e valorizando a cultura popular, se apresentando ao longo de seus 27 anos de carreira, por todo o Brasil e por países Latino-Americanos e Europeus.
(Créditos foto: Daniel Kersys)

Aluísio Rockenbach

Aluisio Rockembach, músico acordeonista e cantautor, natural de Pelotas, conhecido pela trajetória na música regional, possui dois discos autorais que contam com participações de artistas como: Vitor Ramil, Thedy Corrêa, Duca Leindecker e Luiz Marenco, o qual também é diretor musical. Seu último disco intitulado “Dona Maria” recebeu em 2019 os prêmios Açorianos de melhor disco regional, intérprete e melhor álbum do ano. Recentemente iniciou as gravações do seu terceiro disco.
(Créditos Foto: Felipe Campal)

André Fernandes

Compositor, músico, arranjador, produtor e diretor musical, além de Educador Musical no Projeto Guri. Atuante em festivais e mostras de música desde 2001, tal como em eventos particulares e casas de shows de variados portes e segmentos. Autor de trilhas originais para espetáculos teatrais e musicais, curtas e longa metragens, campanhas publicitárias e jingles comerciais para rádio e televisão. Na discografia, 5 álbuns e 4 EPs lançados: • Grupo Mosaico (2003) • Dia de Lua (2007) • Vicissitude (2009) • Vicissitude’s (2012) • Par - com Vinicius Paes (2019) • Amora (2019) • Igapó (2020) • A Roda Segue Viva - com José Cássio Jaber (2020) • Ao Vivo no Estúdio (2021)
(Créditos foto: Helen Coly)